Sistema médico: as 7 principais vantagens de um sistema 100% na nuvem

Tempo de leitura: 10 minutos

Se você busca excelência em atendimento e gestão, sua clínica precisa de um sistema médico. Afinal, nesta jornada como médico e empreendedor, você precisa estar focado em sua prática profissional e nas questões estratégicas do seu negócio. Você já sabe que a tecnologia é sua aliada, mas é preciso comparar as ferramentas antes de escolher aquela que melhor atende as necessidades da sua clínica. Para ajuda em sua tomada de decisão, listamos abaixo as 7 vantagens de um sistema médico 100% na nuvem:

  1. Redução de custos
  2. Segurança de dados
  3. Maior produtividade
  4. Suporte rápido e eficiente
  5. Prevenção de desastres e perdas
  6. Backup diário e criptografia
  7. Adequação às normas da LGPD

1 Redução de custos

A primeira vantagem evidente de um sistema médico em nuvem é a redução de custos em relação aos softwares instalados em máquina local. A redução de custos está relacionada com a eficiência de um sistema em nuvem, cuja manutenção e atualização pode ser feita à distância. 

Além disso, como não é necessária qualquer instalação, você pode ter acesso a sistemas desenvolvidos em diferentes lugares, optando por aquele que oferecer maior segurança e qualidade. Sistemas médicos em nuvem oferecem suporte rápido quando necessário e possuem rotinas de atualização e backup que não comprometem a utilização diária. 

Por isso, todo processo de instalação e manutenção tem menos custos quando comparados com softwares tradicionais. O resultado é que você paga menos e seu investimento retorna em 

  • Aumento do número de atendimentos;
  • Maior qualidade do serviço prestado; 
  • Segurança de dados. 

É importante considerar, também, que a utilização de um sistema em nuvem propicia a redução dos custos operacionais da clínica. Afinal, é possível fazer a gestão financeira e de suprimentos, evitando desperdícios e com bom fluxo de caixa.

2 Segurança de dados

O sistema médico em nuvem possui monitoramento constante, em tempo real. Por isso, o número de erros e falhas é infinitamente menor quando comparado a softwares com servidor local. Sistemas médicos alocados em servidores na nuvem têm políticas de segurança completas para proteção das informações. Assim, evitam-se perdas de dados, fraudes e quebra do sigilo. 

Os softwares em nuvem utilizam servidores na Internet para fazer o processamento de dados e disponibilizar informações de forma remota. Esse procedimento, ainda, evita invasões, já que cria diferentes camadas de verificação da identidade do usuário. Outra vantagem de segurança de um sistema em nuvem é a diversificação de local de armazenamento. 

Enquanto em softwares locais, todas as informações são armazenadas em um único servidor, sistemas em nuvem conseguem armazenar camadas de dados em servidores espalhados pelo mundo todo. A proteção dos dados é assegurada, ainda, pelo agendamento de backup diário. Assim, o sistema da sua clínica fica livre de Vírus, Spyware e outras ameaças virtuais. Mas você não precisa se preocupar, diferente do que ocorre com servidores locais, o sistema médico em nuvem continua funcionando durante estes procedimentos.

3 Maior produtividade

Se você deseja maior produtividade, não tenha dúvidas: um sistema em nuvem vai ajudar! Afinal, sistemas médicos com esse armazenamento apresentam tudo que você precisa em tela única, acessível a qualquer hora e de qualquer lugar.  

É evidente que profissionais da saúde valorizam praticidade e inovação para minimizar os desafios operacionais dos atendimentos. Por isso, as ferramentas utilizadas, além de prezar por redução de custos e segurança, devem aumentar a produtividade da sua clínica. Este aumento de produtividade é percebido quando um sistema em nuvem oferece automatização de tarefas e quando facilita os atendimentos com atalhos e padronizações

Um sistema médico em nuvem aumenta sua produtividade, porque possibilita verificação de informações e alterações a qualquer tempo. Assim, se você estiver em casa e for necessário verificar alguma informação sobre os pacientes ou sobre o fluxo de atendimentos na clínica, basta ter acesso à internet que você estará atualizado. Por isso, um sistema médico em nuvem é um aliado da gestão estratégica e inovadora que busca:

  • Eficiência
  • Produtividade
  • Precisão 

4 Suporte rápido e eficiente

Além de você obter maior produtividade interna em sua clínica, você perceberá que o suporte técnico de um sistema médico na nuvem é muito eficiente. Ao entrar em contato com o suporte, você obtém respostas rápidas e efetivas. Com um software instalado em seu computador, seria necessário um técnico se deslocar até a clínica. 

O sistema na nuvem facilita essa interação entre você e a equipe de suporte por chat, telefone ou e-mail. Por isso, qualquer erro no sistema ou mesmo uma dúvida quanto às funcionalidades podem ser reportadas ao suporte que, em minutos, resolverá para você. Além disso, o sistema médico na nuvem possui programação de atualizações automáticas. Você não precisará se preocupar com estes procedimentos. Afinal, eles são planejados pela equipe de desenvolvimento e são aplicadas de forma automática no sistema. 

Assim como os backups, as atualizações ocorrem nos horários em que a clínica não estiver funcionando para evitar qualquer lentidão no carregamento das páginas. Como tudo é feito à distância e de forma automática, atualizações e backups não possuem custo adicional. Logo, seu sistema terá maior segurança e estará sempre acompanhando as inovações tecnológicas.

5 Prevenção de desastres e perdas

Sistemas médicos em nuvem oferecem maior segurança antidesastres. A prevenção é feita com a utilização de servidores físicos em diferentes localidades. Diferente do que ocorre com um servidor instalado dentro da sua clínica, os sistemas em nuvem ocupam diferentes servidores ao redor do mundo, com cópias dos dados em tempo real. 

Por isso, a probabilidade de ocorrer um desastre que provoque a perda dos dados da sua clínica é praticamente inexistente. Por outro lado, as chances de perder dados em softwares instalados em um computador na sua clínica são altas. Para isso, basta uma queda brusca de energia ou algum líquido derramado sobre o servidor. As perdas, nesse caso, são irreparáveis. 

6 Backup diário e criptografia

Um sistema médico 100% na nuvem oferece, como estratégia de segurança e atualização, dois diferenciais:

  • Backup diário
  • Criptografia de dados

Na prática, apenas um sistema médico na nuvem consegue ter backup diário sem prejudicar o funcionamento da sua clínica. Essa é uma estratégia de prevenção de perdas essencial para a segurança dos dados dos seus pacientes. Em um software instalado no computador local, o backup demanda maior tempo e, em geral, têm custos adicionais em cada execução. 

Com o backup diário à distância, o sistema médico na nuvem garante a disponibilidade total das informações armazenadas, com menor risco de apresentar instabilidades. Afinal, o backup pode ser programado para horários em que a clínica esteja fechada. Outra vantagem do backup diário é a constante atualização das informações. Por isso, se for necessário recuperar alguma informação do backup, seu banco de dados estará atualizado. Em backups semanais, por exemplo, a realidade é diferente. Em caso de recuperação, o sistema vai retornar a seu estado no último backup, que pode ter ocorrido há 7 dias.

O sistema médico na nuvem possui uma ferramenta de segurança muito importante: a criptografia. A estratégia de segurança de dados é definida como um sistema de algoritmos matemáticos capaz de decodificar dados do usuário de modo que apenas o destinatário possa ler. Serve, portanto, para que a troca de informações seja protegida. Com a criptografia, os dados transferidos pela internet só podem ser acessados por um destinatário pré-definido. 

Assim, eles não podem ser capturados por um programa Malware por exemplo. Por isso, você terá um fluxo de informações:

  • Mais rápido;
  • Mais assertivo;
  • Mais eficaz;
  • Mais seguro!  

7 Sistema adequado às normas da LGPD 

Um sistema médico deve estar preparado para o futuro da Medicina. Isso implica adaptar-se às tendências tecnológicas e às inovações legislativas. Por isso, você precisa escolher um sistema médico na nuvem que respeite as diretrizes da nova Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). 

A Lei nº 13.709/2018 (LGPD) regulamenta uso, proteção e tratamento de dados pessoais no Brasil. A LGPD entrará em vigor no segundo semestre de 2020 e as penalidades para quem não respeitar suas definições são significativas. As multas previstas variam de 2% do faturamento a um limite máximo de R$50 milhões. Em relação aos estabelecimentos de saúde, é possível, ainda, que sejam aplicadas penas de restrição do direito de coleta de dados. 

Portanto, fique atento às principais regras da LGPD e escolha um sistema que já esteja preparado. Os principais direitos dos titulares dos dados são: 

  • Verificar os dados gerados
  • Acessar, a qualquer tempo, os dados armazenados
  • Anonimizar as informações que revelem sua identidade
  • Revogar o consentimento de utilização
  • Livre acesso à identificação e ao contato do controlador

Além disso, será necessário criar uma política de governança de dados, com as seguintes informações:

  • Motivos para coleta de dados
  • Descrição dos dados coletados
  • Informação das condições de armazenamento
  • Definição do tempo de armazenamento

Se você quiser saber mais sobre as exigências da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), leia nosso artigo completo sobre o tema. 

Conclusão

Nesta jornada como médico e empreendedor, você precisa tomar decisões sobre inovação e segurança. Além disso, para focar na prática médica e conquistar a excelência como profissional, será necessário estabelecer boas parcerias com especialistas de outras áreas do conhecimento. 

A Amplimed é especialista em tecnologia para clínicas e consultórios médicos. Por isso, estamos preparados para inovar constantemente, sempre respeitando as regras da LGPD. Nossos recursos são baseados em protocolos internacionais de segurança de dados. Possuímos: 

  • Dados armazenados em data centers com certificações TIERIII, HIPAA, PCI;
  • Suporte de certificado digital do CRM para assinatura de prontuário eletrônico;
  • Certificado digital HTTPS para criptografar a comunicação dos dados entre o computador do usuário e a nuvem;
  • Criptografia de banco de dados, com manutenção de políticas de segurança rígidas conforme padrões internacionais.

Quer essa segurança para a sua clínica? Faça um teste grátis. 

Iniciar teste gratuito

 

Sobre o autor: 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.